Incêndios

Jumbo com supertanque atua como bombeiro nos incêndios da Califórnia

Boeing 747-400 pode lançar até 74.200 litros de água, podendo atingir 3 km de extensão

Anualmente, incêndios afligem a Califórinia, nos Estados Unidos, gerando uma série de prejuízos econômicos e ecológicos. Entre os aviões bombeiros a combater as queimadas esse ano está um 747 Supertanker, que pode transportar impressionantes 74.200 litros de água ou agentes químicos de combate a incêndio. A linha de agentes despejada sobre o incêndio pode atingir 3 km de extensão.

Derivado de um 747-400, o Supertanker 944 é o terceiro Boeing 747 transformado para missões de combate a incêndios e o primeiro a ser projetado pela Global SuperTanker Services.

O primeiro 747 empregado como aeronave bombeiro foi certificado em outubro de 2006. Derivado de um 747-200, o 947 nunca entrou em serviço. A então Evergreen International Aviation, especializada em adaptações de grande porte e serviços especiais, acabou utilizando um segundo avião, dessa vez um 747-100, originalmente operado pela Delta Air Lines e que voou pela primeira vez em 1971. O avião recebeu uma série de reforços e sistema para lançamento da carga de combate a incêndio. O avião voou entre 2009 e 2013, quando após afalência da Evergreen, foi desmontado no Pinal Airpark, no Arizona.

A Global SuperTanker, que adquiriu os direitos da massa falida, incluindo projetos e ferramental, transferiu o sistema de combate a incêndios para um 747-400. O avião em janeiro atuou no Chile, combatendo as queimadas que tomara conta de diversas regiões do país.

Na temporada 2017 de incêndios na Califórnia, o avião foi contratado para auxiliar as autoridades na contenção dos danos causados pelo fogo.

http://aeromagazine.uol.com.br/artigo/jumbo-bombeiro-atua-na-california_3677.html

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close