PAT

Trabalhadores de Maraú recebem filhotes de peixes e equipamentos de proteção

Nesta terça-feira (19), às 10h, na Praça de Tremembé, piscicultores, agricultores e marisqueiras da zona rural de Maraú, pré-selecionados pela prefeitura municipal, serão beneficiados com a doação de 60 mil alevinos (filhotes de peixes) de tilápia e 19 Equipamentos de Proteção Individual (EPI). A doação será feita pela Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri), para cerca de 120 famílias de piscicultores e agricultores. Já os EPIs serão entregues às marisqueiras da península de Maraú.

O presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveria Júnior, explica que os peixes estarão prontos para a despesca (retirada das aguadas e comercialização ou consumo) em um período de seis a oito meses, quando deverão estar pesando, em média, 900 gramas. Esta ação significa aumento de renda para as famílias e uma importante estratégia de aumento da produção de pescado da Bahia”.

Já os conjuntos de EPI – desenvolvidos especialmente para o trabalho de mariscagem – são compostos por pares de luvas e botas em neoprene (que evitam que as masrisqueiras cortem mãos e pés ao tocar nos mariscos ou caminhar nas pedras), camisa em dry fit e calça e boné em tactel, com bloqueio de 98% dos raios UVA e UVB. O conjunto possui fator de proteção ultra-violeta, que protege a pele e não absorve o calor solar, minimizando a incidência de câncer, desidratação e envelhecimento precoce.

 

 

 

http://atarde.uol.com.br/portalmunicipios/sul/noticias/1921829-trabalhadores-de-marau-recebem-filhotes-de-peixes-e-equipamentos-de-protecao


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close