PAT

O acidente previsível em frigoríficos: o vazamento de amônia

Nos frigoríficos, principalmente os grandes como o Marfrig, BRF-Brasil Foods, JBS/Friboi, constantemente são noticiados acidentes com vazamentos de amônia que afetam diretamente aos trabalhadores da manutenção.

Um caso como estes ocorreram no frigorífico Cardeal em São Paulo. No caso do Cardeal o trabalhador acabou tendo que introduzir uma válvula em um dos seus olhos, hoje ele vive constantemente lacrimejando, como se não controlasse o choro. Ou seja, ficou com sequelas pelo restante de sua vida.

No entanto, nunca houve um grande vazamento que os trabalhadores precisassem evacuar o prédio da fábrica.
O operário afetado está afastado da fábrica e até hoje tem que ser submetido a exames oftalmológicos regulares.
Marfrig, JBS/Friboi, BRF Brasil Foods estão nos noticiários regularmente por conta de vazamento do gás Amônia, as fábricas são obrigadas a serem evacuadas, bem como, a vizinhança, no entanto, a própria imprensa anuncia que não houve vítimas. Os patrões também dizem que todos foram socorridos e passam bem ou tiveram alta.

Após o acidente, algum tempo depois, aparecem as sequelas e os patrões ignoram-nas completamente, se negam a fornecer o Comunicado de Acidentes do Trabalho (CAT) e o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) considera os problemas oriundos da sequela do acidente do trabalho como auxilio doença e, aproveitando-se da situação, o trabalhador é demitido como se nada tivesse acontecido.

http://www.causaoperaria.org.br/blog/2018/01/02/o-acidente-previsivel-em-frigorificos-o-vazamento-de amonia/

Diário Causa Operária Online

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close