Leis e NormasPAT

Consequência: Procuradoria do Trabalho quer que Vale indenize 90 empresas comprometidas com acidente

Publicado em 13 fevereiro, 2019 5:36 am

A Coluna de Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo informa que o MPT (Ministério Público do Trabalho) já mapeou cerca de 90 empresas e estabelecimentos comerciais que foram alcançados pela lama do acidente de Brumadinho (MG) e estão com as atividades comprometidas. Os procuradores defendem que a Vale indenize também os trabalhadores desses locais. “Calculamos que o número de empresas é muito maior”, diz a procuradora Luciana Coutinho. São lugares como pousadas, hotéis, bares e restaurantes. Depois do levantamento, serão feitas audiências e convocações. Se não houver composição com a Vale, o MPT pode mover nova ação contra a mineradora.

De acordo com a publicação, e a Vale e o MPT vão se encontrar na sexta (15) na Justiça, em Betim, para uma audiência que tratará, entre outras coisas, das indenizações a serem pagas às famílias das vítimas do acidente. A empresa oferece R$ 300 mil a filhos e cônjuges e R$ 150 mil aos pais. Os procuradores defendem que o valor seja de “no mínimo” R$ 2 milhões.

Diretores da Vale também vão a Brasília na sexta (15), para uma audiência com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Em pauta, uma multa de R$ 250 milhões aplicada contra a empresa, completa a Folha.

 

https://www.diariodocentrodomundo.com.br/essencial/consequencia-procuradoria-do-trabalho-quer-que-vale-indenize-90-empresas-comprometidas-com-acidente/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close