NOTÍCIAS CORPORATIVASPAT

Dores nas costas causam cerca de 83 mil casos de auxílio-doença do INSS na população brasileira

De acordo com um estudo realizado pela Universidade de São Paulo e pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, há 83,8 mil casos no Brasil de afastamentos devido a dores nas costas já em estado crônico.

dino
São Paulo – SP,24/04/2019 –

De acordo com um estudo realizado pela Universidade de São Paulo e pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, há 83,8 mil casos no Brasil de afastamentos devido a dores nas costas já em estado crônico. Os dados foram divulgados em 07 de março de 2019 pela própria entidade.

Segundo uma pesquisa realizada pelo Ministério da saúde, 27 milhões de pessoas adultas no Brasil são afetadas pela doença já em estado crônico.

A dor nas costas, também conhecida como dorsalgia, tem sido uma das maiores causas dos afastamentos de trabalho, o que acaba influenciando tanto no trabalho como na vida pessoal. Neste último ponto, porque a pessoa passa a conviver com a doença no seu cotidiano como um todo.

Os sintomas da dorsalgia são vários, mas alguns dos principais são: dores nas costas, dor aguda, dor que irradia para a perna, flexibilidade limitada ou até mesmo amplitude de movimento das costas.

Adotar postura adequada ajuda a prevenir dores nas costas

Manter uma postura correta independentemente da situação é muito importante e esse hábito deve se iniciar desde a infância.

Passar por um longo período sentado na mesma posição pode trazer diversos problemas, principalmente se a postura for inadequada. Contudo, com algumas medidas, como evitar cruzar as pernas, deixando-as afastadas e manter os pés sempre apoiados no chão, evitar ficar por muito tempo sentado na mesma posição, a melhora pode ser bastante significativa.

O hábito da postura correta pode prevenir lesões, hérnia de disco e tendinites, assim como diversas doenças em alguns órgãos como, por exemplo, os pulmões, rins e estômago.

Um dos riscos da má postura é a redução de espaço dos órgãos, como o pulmão, quando o corpo está curvado o oxigênio do sangue reduz e isso dificulta a sua circulação e para de entrar nas células.

Buscando alternativas de prevenção das dores nas costas

O ideal para a prevenção de dor nas costas é adotar o hábito de praticar exercícios. Eles ajudam a fortalecer os músculos, essa é uma forma de proteger a coluna.

A postura correta é outro fator importante. Por isso, os médicos alertam sobre os longos períodos na mesma posição, principalmente as pessoas que trabalham sentadas, sendo a recomendação principal buscar se movimentar a intervalos regulares. Para cada 50 minutos sentados, o ideal é buscar permanecer 10 minutos em pé.

Procurar fazer alongamentos ajuda a prevenir dores na coluna e também em todo o corpo. Evitar carregar bolsas, mochilas, compras entre outros itens que sejam pesados ou até mesmo carregar uma criança no colo por muito tempo, pois são fatores que podem sobrecarregar a coluna causando sérios problemas.

O colchão também deve estar em perfeitas condições, pois é de suma importância que a pessoa, independentemente de ter problemas ou não de dores nas costas, deve ter uma noite tranquila de sono. Por isso, é importante fazer a troca imediatamente caso não esteja em bom estado.

Atualmente, existem diversos tipos de colchões fabricados exatamente para tratar as dores nas costas.

É importante ressaltar que, apesar das alternativas, a avaliação de um profissional capacitado é essencial, pois somente ele é quem poderá prescrever o tratamento correto, que pode variar entre um simples exercício, fisioterapia ou tratamento mais complexo.

A Pillowmed é uma empresa especializada em diversos tipos de colchões e conta com uma linha que se adapta a necessidade de cada cliente. Como o colchão para dor nas costas . Todos os seus produtos são fabricados com a mais alta tecnologia, permitindo mais qualidade de vida a todos os seus clientes.

Website: https://pillowmed.com.br/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close