NOTÍCIAS CORPORATIVASSegurança patrimonial e eletrônica

Os responsáveis pela telefonia fixa no Brasil

Alexander Graham Bell, um escocês que 1876 a partir do protótipo anteriormente desenvolvido por um inventor italiano chamado Antonio Meucci, foi o responsável pela invenção do telefone, revolucionou na época a forma das pessoas se comunicarem ao redor do mundo. Diversos países do mundo se interessaram pela nova tecnologia e decidiram levar aos seus países.

dino

Nunca ande pelo caminho traçado, pois ele conduz somente até onde os outros já foram.
-Alexander Graham Bell

São Paulo,27/05/2019 –

Dom Pedro ll decidiu levar a novidade para o solo brasileiro e, em 1877 foram instaladas as primeiras linhas no país, essas linhas ligavam o Palácio da Quinta da Boa Vista à residência dos ministros do imperador, assim foi inaugurada a telefonia no Brasil.

O Rio de janeiro foi a segunda cidade no mundo a ter uma linha telefônica, depois de Chicago, nos Estados Unidos. A tecnologia se expandiu rápido no Brasil e surgiu junto a essa expansão a criação de centrais telefônicas, essas centrais conectavam manualmente os telefones dos usuários e assim eram feitas as ligações. São Paulo e Rio Grande do Sul algum tempo depois também receberam centrais telefônicas, as ligações interestaduais se tornaram cada vez mais populares, essa época também foi marcada pela exploração comercial da telefonia, por concessões realizadas pelo governo.

Nos primeiros anos do século XX, inventores de vários lugares do mundo buscavam aperfeiçoar a tecnologia, melhorias tanto para a tecnologia quanto a aparência dos aparelhos.  Nessa fase, quem merece destaque são os telefones com discos numéricos, esses discos emitiam pulsos que tornavam possível a discagem direta entre duas pessoas, eliminando então, a necessidade de centrais telefônicas operadas por telefonistas.

Com o passar do tempo, os telefones de discos foram substituídos pelos providos de teclado numérico graças a tecnologia DTMF (Dual-tone multi-frequency signaling), esses teclados se tornaram padrão na telefonia e são usados nos dias atuais, nos mais variados tipos de aparelhos.

Em 1947, os primeiros protótipos de celular tomavam forma, propagando os sons através de ondas eletromagnéticas ao invés de cabos físicos, o aparelho portátil ganhou popularidade no mundo na década de 1990. Atualmente o Brasil, já possui mais de 306 milhões de dispositivos portáteis, uma média de 2 aparelhos por habitante segundo a FGV.

As telecomunicações ganham cada vez mais relevância com o passar dos anos, se tornando cada vez mais parte do dia a dia de empresas e pessoas, facilitando negócios e aproximando os interessados em se comunicar, espera-se para os próximos anos, maiores evoluções de tecnologias e aparelhos relacionadas a esses aparelhos de vital importância para a civilização moderna.

Colaboração: Combo MultiNET São Paulo, NET INTERNET

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique Também

Close
Close