NOTÍCIAS CORPORATIVASPAT

Reforma da Previdência é oportunidade para o marketing jurídico digital

Que o marketing jurídico deve ser diferente dos demais, a maioria dos advogados já sabe. Mas o que nem todo advogado percebe são as oportunidades em cada mudança no mundo jurídico.

dino

Em situações como a Reforma da Previdência, a restrição da OAB à forma de publicidade da advocacia, que deve ter conteúdo meramente informativo, pode agir a favor dos profissionais.

A realidade da Reforma da Previdência

Ainda pendente de aprovação pelo Senado Federal, a PEC n.º 06/2019 contém uma série de regras que ficou conhecida como a Reforma da Previdência.

Apesar disto, a referida PEC não é o único instrumento legislativo que introduzirá alterações no sistema previdenciário brasileiro.

Todas essas inovações têm despertado um misto de curiosidade e dúvida nos brasileiros segurados pelo INSS.

A nova realidade da informação jurídica

Se, anos atrás, era de se esperar que as pessoas confusas com a Reforma fossem correr para os escritórios de advocacia, hoje o comportamento dessas pessoas é diferente.

Antes mesmo de pensar na figura do advogado, esses brasileiros vão primeiramente tirar suas dúvidas no Google.

Se os potenciais clientes dos advogados estão recorrendo à Internet, é lá que eles, advogados, devem estar.

Onde entra o inbound marketing jurídico

A sede por informação do potencial cliente pode ser resolvida com conteúdo jurídico informativo.

Artigos, posts, newsletters, e-books, vídeos e webinars são exemplos de meios para o oferecimento desses conteúdos.

A Reforma deve afetar de médicos a professores, de policiais a profissionais autônomos. O público-alvo do advogado pode compreender todos esses trabalhadores, ou apenas algumas categorias. Cabe ao profissional desenvolver um plano de conteúdo específico para seu público, tirando as dúvidas deles.

Embora possa parecer que a produção desses conteúdos estará esvaziando um serviço de consultoria, a verdade é que eles estarão fazendo o cliente perceber o conhecimento e posicionamento de marca, contribuindo para a reputação de especialista do advogado.

De qualquer forma, os demais meios de comunicação também produzirão conteúdo informativo sobre a Reforma da Previdência. Porém, a visão de um advogado é diferenciada. Além disso, um conteúdo assinado por um advogado pode se tornar um cartão de visitas.

Mas afinal, o que é o inbound marketing?

O inbound marketing jurídico, ou “marketing de entrada”, é a mais eficiente vertente do marketing para advogados.

Na verdade, é uma estratégia poderosa para qualquer tipo de segmento. Tem alto poder de conversão e se adequa às características do consumidor moderno, que é conectado, exigente, gosta de se informar e não gosta de ser incomodado com propagandas e tentativas de vendas inconvenientes.

Mas, além disso, o inbound marketing é também a estratégia ideal para o marketing jurídico, pois corresponde exatamente àquilo que a OAB dita que a publicidade deve ser: informativa.

O marketing de conteúdo, que é um dos recursos do inbound marketing, visa entregar informação relevante para o público-alvo da marca, atraindo-o e conquistando-o por meio do conteúdo, que deve demonstrar a expertise do profissional.

4 dicas para se destacar com inbound marketing jurídico na Reforma da Previdência

A Reforma poderá ser aprovada a qualquer momento. Esse é o momento de iniciar um plano de marketing digital, com foco em inbound marketing e marketing de conteúdo.

  1. Não subestimar o público-alvo

Mesmo os trabalhadores mais simples e humildes sabem que podem contar com a internet para tirar dúvidas. Deve-se investir em marketing digital mesmo para esses trabalhadores, até mesmo porque as novas gerações ajudam as mais velhas e estas também serão clientes em breve.

  1. Produzir conteúdos relevantes, sem “juridiquês” e com o tamanho certo

Artigos com até 1000 palavras costumam ter melhor performance nas buscas do Google (SEO), pois o algoritmo entende que esses conteúdos são mais aptos a sanarem as dúvidas do usuário. E-books com até 5000 palavras também são uma excelente maneira de demonstrar expertise.

  1. Apostar também em conteúdos visuais

Ter uma figura humana, explicando o conteúdo de forma simples, prende a atenção do usuário. Conteúdos como webinars, palestras online e vídeos no Youtube podem ser utilizados para isso.

  1. Relacionar-se e manter clientes

O inbound marketing oferece recursos valiosos para a alimentação do relacionamento entre o usuário e a marca, e para a fidelização do cliente; tais como:

  • Contéudos adaptados segundo as etapas do funil de vendas;
  • Newsletters;
  • E muitos outros.

Investir em conteúdo e marketing jurídico digital é o caminho para saciar a sede por informação dos clientes durante a Reforma da Previdência.

Contatos: 41.3362-1330 / 41. 99689-2980

alexandre@incompanypr.com.br

www.incompanypr.com.br

Website: https://www.incompanypr.com.br/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close