NOTÍCIAS CORPORATIVASPAT

Executivos de Minas Gerais integram comitiva de missão internacional do governo federal

Presidente do Indi e CEO da JMM Tech vão participar da viagem aos países China, Emirados Árabes e Arábia Saudita de 24 a 30 de outubro

Por Dino

A viagem organizada pelo governo federal aos países China, Emirados Árabes Unidos e Arábia Saudita será realizada entre os dias 24 e 30 de outubro e Minas Gerais estará presente. O presidente da Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (Indi), Thiago Toscano, e o CEO da JMM Tech, Ernani Jardim de Miranda Machado, estão confirmados na delegação empresarial que participará das agendas de negócios em torno do evento. A programação prevê iniciativas de networking com potenciais parceiros locais, com foco em oportunidades de ampliação das exportações e de atração de investimentos estrangeiros.

Para o presidente do Indi, Thiago Toscano, a viagem que o governo federal está organizando para atração de investimento para o Brasil abre possibilidade para prospecção de recursos para Minas Gerais. Responsável por atrair R$ 16 bilhões em investimento para o Estado, de janeiro a setembro deste ano, Toscano considera Minas Gerais o mais preparado para receber investidores internacionais. “Isso porque temos um governo pró-mercado, um Estado liberal. Minas é mais atrativa pelo seu potencial logístico no país e por ter um plano de infraestrutura a oferecer para os investidores internacionais”, explica. “Além disso, somos um celeiro de tecnologia e inovação no país.”

 

Thiago Toscano destaca que a agência estadual foi eleita sede da Diretoria Regional da Waipa (Associação Mundial de Agências de Promoção de Investimentos) para América do Sul, ampliando relações internacionais do Estado. O anúncio ocorreu no início de outubro, durante a 24ª Conferência Mundial de Investimentos da Waipa, em Varsóvia, na Polônia. Desde então, as empresas nacionais e estrangeiras passaram a ser orientadas a procurar o Indi para fomentar seus negócios, com recomendação da associação internacional.

Por lidar com desenvolvimento de tecnologia e sistemas para áreas sensíveis, como segurança e militar, o CEO da JMM Tech não fornece muitos detalhes sobre os contratos e recursos que pretende conquistar durante a missão empresarial. Porém adianta que mantém negociações avançadas com investidores do mundo árabe.

“Minas Gerais é um celeiro de inovação. Aqui temos profissionais altamente capacitados, que desenvolvem tecnologia e solucionam problemas para os mais diferentes tipos de demandas tecnológicas”, afirma. “É missão dos governos federal e estaduais mostrarem por que somos atrativos para os investidores, mas é missão nossa, como empresários, demonstrar que não faltam competência e excelência por parte dos nossos profissionais, como é o caso dos centros de excelência em pesquisa e desenvolvimento que dispomos, em especial a UFMG, tendo o DCC (Departamento de Ciência da Computação) como um dos mais avançados centros de software e equipamentos de alta tecnologia do país”, ressalta Ernani Machado.

Para o CEO da JMM TECH, parcerias com instituições, em especial universidades, é sempre fundamental para o desenvolvimento de projetos de alta tecnologia. “Minas Gerais é um dos Estados com vários institutos de pesquisa e desenvolvimento que podem desenvolver quase qualquer coisa”, explica Ernani. “Mantemos parcerias com Senai-MG, UFMG e outros centros no Brasil e no exterior, para que sempre seja possível pensar no melhor produto, pelo menor preço e que resolva um ou o máximo de problemas.”

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique Também

Close
Close