NOTÍCIAS CORPORATIVASSegurança patrimonial e eletrônica

Ministério da Justiça começa a divulgar, pela primeira vez, dados de homicídios dolosos de todos os municípios brasileiros

O Ministério da Justiça divulgou, pela primeira vez, os dados de homicídios dolosos coletados nos 5.604 municípios do Brasil. A consulta está disponível na plataforma oficial do órgão, de forma simples e transparente.

Dino

O Ministério da Justiça divulgou, pela primeira vez, os dados de homicídios dolosos coletados nos 5.604 municípios do Brasil. A consulta está disponível na plataforma oficial do órgão, de forma simples e transparente. Os dados são baseados nos boletins de ocorrência feitos no site do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) por meio da plataforma da Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça (Senasp).

Até o mês de setembro, foram registrados 29.415 assassinatos, 21,94% a menos em comparação com o mesmo período do ano passado, no qual o registro foi de 37.682. De acordo com o ministro Sérgio Moro, esses dados mostram a queda da criminalidade no país. Além disso, também foi relatado pelo ministro queda nos crimes de estupro, latrocínio e roubo/furto de veículos.

As informações divulgadas sobre os homicídios foram coletadas entre os meses de janeiro de 2018 e setembro de 2019. Mensalmente, os dados serão atualizados com base nos registros dos boletins e vítimas dos homicídios. O responsável por receber as informações, analisar e divulgar será a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).

Entenda a diferença entre homicídio doloso e homicídio culposo

Algumas pessoas podem ficar na dúvida sobre a diferença de cada um dos homicídios. O homicídio doloso é quando a pessoa tem intenção de matar, ou sabe e assume o risco de qualquer ação que pode levar à morte outra pessoa. Ou seja, a pessoa tem a intenção de causar mal, com plena consciência de tal atitude.

O homicídio culposo é aquele em que não existe a intenção de matar, porém, por negligência e imprudência, ocorre a morte de outra pessoa. Ou seja, mesmo sem o propósito de matar, existe culpa. Sendo assim, a principal diferença entre os homicídios doloso ou culposo é a intenção (se existe ou não), geralmente os crimes devem ser identificados no processo criminal, pois as penalidades diferem para cada um.

Aposte em um sistema de segurança

O cenário de homicídios pode estar melhorando, porém, é uma situação muito instável que pode mudar em qualquer momento. A preocupação com a segurança é essencial para o bem-estar geral das pessoas. A busca por serviços de segurança aumentou nos últimos dias, visto que é comum ver pessoas se sentindo inseguras e vulneráveis.

Considerando o risco de perigo, muitos decidem investir em sistemas de segurança mais avançados, como, por exemplo, a portaria remota. A portaria remota é um sistema de monitoramento que funciona a distância através de sistemas de tecnologia interligados. Para executar uma boa portaria remota, é importante contratar uma empresa comprometida e confiável. Analise as empresas e busque por uma empresa de serviços terceirizados consolidada no mercado.

A Portaria Remota Generall é uma empresa de serviços terceirizados que tem sua presença consolidada no mercado há mais de duas décadas, oferecendo sempre as melhores soluções em portaria remota. Pioneira no ramo de segurança eletrônica, a empresa oferece o melhor serviço de controle de acesso do mercado, garantindo qualidade e alta performance.

Website: http://portariaremotagenerall.com.br/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique Também

Close
Close