Mercado e TecnologiaPAT

Conheça 4 dicas para aumentar a segurança da sua obra

A segurança do trabalho é uma medida fundamental para manter o bem-estar e a saúde dos colaboradores, não é mesmo? Por isso, ela deve ser aplicada com êxito durante a execução de atividades que possam exprimir algum risco a integração física do profissional.

E isso não poderia ser diferente com a construção civil. Engenheiros, pedreiros e todos os profissionais envolvidos em uma obra devem – e podem! – ter a sua segurança resguardada com equipamentos de proteção de segurança (EPIs), e outras formas de proteção.

Para se ter uma ideia, segundo uma pesquisa realizada pela AEPS (Anuário Estatístico da Previdência Social) só no triênio 2013, 2014 e 2015, ocorreram mais de 154 mil acidentes de profissionais que atuam na construção civil.

Pensando nisso, preparamos uma lista com 4 dicas infalíveis para que você, profissional, possa aumentar a segurança da sua obra. Neste post, você verá que nunca foi tão fácil trabalhar de maneira preventiva. Boa leitura!

1. Faça o planejamento da obra

Antes de colocar as mãos na massa, é fundamental planejar o andamento da obra com muita cautela. Para isso, avalie tudo de maneira assertiva, desde os materiais utilizados, como tijolos, cimento e porca gaiola até os equipamentos de proteção de segurança.

Além disso, é fundamental elaborar no planejamento um cronograma com os dias e horários de trabalho detalhados. Isso fará com que os profissionais atuem de acordo com os objetivos estabelecidos, evitando retrabalhos, desperdício de materiais e atrasos.

2. Cumpra as normas de segurança

Que há uma série de normas e regulamentos voltados à construção civil não é uma novidade, certo? Uma delas é a NR5, que estabelece a criação de uma CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), na qual informa os riscos de uma obra.

Dessa forma, é fundamental que o gestor da obra certifique-se de que as normas estejam implementadas da maneira correta e que todos estão utilizando os equipamentos necessários para suas funções.

3. Crie uma boa sinalização

Outro ponto importante para aumentar a segurança da sua obra é criar uma boa sinalização de riscos. Essa etapa é fundamental, uma vez que contribui com a circulação de pessoas e sinaliza o colaborador sobre as ameaças presentes no local.

Exemplos de sinalização são cartazes e placas comunicando a todos os locais do canteiro de obra que possam exprimir algum risco, como possíveis quedas de materiais e absorção de substâncias tóxicas, como poluentes de motor elétrico usado.

Além do mais, vale mencionar que as vias de acesso usadas para circulação de equipamentos também devem ser sinalizadas.

4. Atente-se ao uso de equipamentos

Por último, e não menos importante, em toda obra é necessário utilizar algum equipamento de proteção de segurança. No caso da construção civil, é fundamental investir em botas, capacetes, viseiras, luvas, sistema de alarme de incêndio, entre outros.

No entanto, para garantir o bom funcionamento dos equipamentos, é preciso que eles passem por processos de manutenção preventiva. Isso oferece mais segurança aos colaboradores, evitando acidentes e os riscos de afastamento.

 

Gostou do nosso post sobre como aumentar a segurança da sua obra? Então, compartilhe com os amigos e deixe o seu comentário!

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close